Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

No dia do rock, conheça 5 músicas sobre eventos históricos

Confira cinco canções cujas letras podem servir de estudo de História

Por Redação Atualizado em 13 jul 2021, 12h33 - Publicado em 13 jul 2012, 20h45

O rock, estilo musical cujo dia é comemorado no dia 13 de julho, inspirou gerações e, por que não?, revoluções. Muitas músicas foram escritas sobre importantes temas históricos.

Confira cinco canções cujas letras podem servir de estudo de História:

1. Sunday Bloody Sunday, do U2

O grupo irlandês cantou muitas músicas extremamente politizadas especialmente na década de 1980. Sunday Bloody Sunday é uma das mais políticas e sobre o  acontecimento histórico homônimo na Irlanda do Norte. Durante o “Domingo Sangrento”, militantes desarmados foram massacrados pelo exército britânico.

2. American Skin (41 Shots), do Bruce Springsteen

O cantor americano escreveu essa canção de letra forte para protestar contra a morte de um imigrante de 23 anos, Amadou Diallo. O jovem foi assassinado pela polícia de Nova York – que atirou 41 vezes contra o imigrante, que estava desarmado. O evento gerou uma série de protestos na cidade – e questionamentos sobre racismo.

3. Spanish Bombs, do the Clash

A banda dedicou uma música ao período da Guerra Civil Espanhola – e se colocou claramente ao lado dos revolucionários, que lutavam contra o governo do ditador Franco.

4. The Ballad of Ira Hayes, do Johnny Cash

O cantor, que misturou gêneros como rock, country e blues, gravou essa balada sobre a história do índio que foi um dos homens a levantar a bandeira em Iwo Jima, durante a Segunda Guerra Mundial.

5. Belsen Was a Gas, do Sex Pistols

Irreverente, polêmica e de letra forte, essa foi uma das últimas músicas da banda britânica de punk rock. A letra fala sobre um dos campos de concentração nazista na Alemanha durante a Segunda Guerra.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade