logo-ge

Veja 6 filmes para relembrar a queda do Muro de Berlim

Entenda o contexto da divisão em Berlim

A queda do Muro de Berlim é um dos símbolos mais fortes da divisão do mundo durante a Guerra Fria. Em 1961, os soviéticos construíram o muro para separar fisicamente a República Federativa da Alemanha e a República Democrática da Alemanha, criadas em 1943. Com a decadência da União Soviética na década de 1980 e o apoio popular, a barreira que separou milhares de famílias finalmente caiu, em 9 de novembro de 1989.

– Videoaula sobre o Muro de Berlim

– Os fatos do que ocorreram no último dia antes da queda Muro de Berlim

Confira 6 filmes que vão ajudá-lo a entender o contexto da divisão em Berlim:

– Duas Vidas (“Zwei Leben” – Drama/Suspense – 2012): A história se passa alguns anos antes da queda do muro e da reunificação da Alemanha. Conta a história de uma “filha da guerra” (crianças que nasceram no meio do conflito e foram criadas por outras famílias ou em orfanatos), uma mulher que nasceu na Noruega mas cresceu na Alemanha, que escapa do lado oriental para ir atrás da mãe, na Noruega.

– Funeral em Berlim (“Funeral in Berlin” – Drama/Suspense – 1966): Na onda dos filmes de espiões que começaram a pipocar no cinema depois de James Bond, conta a história de um agente britânico que é enviado para Berlim para receber um general russo que quer desertar. Mostra como eram organizadas algumas das fugas pelo muro erguido pelos soviéticos.

– A Vida dos Outros (“Das Leben der Anderen” – Drama/Suspense – 2006): Esse filme ganhou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro e vale a pena ser assistido. Narra a história de um dramaturgo alemão que vive no lado oriental da Alemanha e que começa a ser vigiado, sob suspeita de ser um traidor.  Só que o agente do serviço secreto designado a espioná-lo começa a ficar fascinado pela sua vida e pelas pessoas que fazem parte dela.  

– Um amor além do muro (“Der rote Kakadu” – Comédia/História – 2006): Quatro meses antes de começar a construção do muro de Berlim, conta a história de um jovem que se muda para a cidade de Dresden, no lado oriental da Alemanha, que se apaixona por uma jovem poeta casada. Além do triângulo amoroso, o filme mostra como os alemães tentavam burlar a repressão cultural imposta pelo regime soviético, que proibia, por exemplo, o rock.

adeus-lenin

– Adeus, Lenin! (“Good Bye Lenin!” – Comédia/Drama/Romance – 2003): Esse filme quase dispensa apresentações. É obrigatório para qualquer vestibulando. Pouco antes da queda do Muro de Berlim, em 1989, a mãe de Alexander Kerner sofre um enfarto e entra em coma. Quando ela acorda, a Berlim Oriental já está completamente diferente por causa do reunificação e da entrada do capitalismo. Então, como bom filho, ele vai inventar uma realidade paralela para que a mãe acredite que nada mudou. Claro que o plano não é perfeito.

– Anônima – Uma Mulher em Berlim (“Anonyma – Eine Frau in Berlin” – Drama/Guerra – 2008): A história se passa em Berlim, no fim da 2ª Guerra Mundial e mostra o relacionamento proibido de uma fotojornalista alemã com um oficial soviético. Foi baseado no diário de uma alemã anônima, escrito em 1959, “Eine Frau in Berlin”. Aviso: é um filme forte. Fala de como ela sofreu com os estupros de soldados do Exército Vermelho e a sua luta para sobreviver à violência.

Links extras:

– http://www.the-berlin-wall.com/ – Site disponibilizado pelo governo alemão que conta por meio de vídeos de época a história da cidade enquanto esteve dividida. Dá para criar seu próprio “documentário”, montando uma sequência com os melhores vídeos que você escolher para compartilhar com os amigos.

– http://www.quedamurodeberlim25anos.com.br/ – Especial multimídia com linha do tempo com os principais eventos do período, depoimentos de pessoas que viveram no local e um jogo baseado em fatos reais que desafia você a tentar escapar para o lado ocidental.