logo-ge

Arquitetura ou Edificações?

Orientador profissional esclarece

Amo fazer projetos e desenhar. Depois de ver meus desenhos, um professor de Engenharia Civil perguntou se fiz curso técnico em Design de Interiores, mas não fiz. Adoro essa área de construção, mas tenho déficit de atenção e sempre fui ruim em matemática. Então surgiu a dúvida: vou para Arquitetura e Urbanismo ou um curso de Edificações?
Enviado por Jaqueline

O curso de Técnico em Edificações forma o profissional de nível médio e o habilita a atividades similares a parte daquelas que o arquiteto pode desenvolver, como projetos e execuções de obras civis de até 80 m² (desde que tenha inscrição no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia).

O profissional deve considerar conforto ambiental, funcionalidade, na estética, cálculo de estruturas, planejamento construtivo, administração da obra. Durante a formação ele entra em contato com elementos ligados a linguagem arquitetônica.

Há também os cursos tecnológicos, como os oferecidos pelas FATECs. Acesse este link para maiores informações.

Outra opção é o curso de Design de Interiores, antes chamado de Decoração, oferecido nas modalidades bacharelado e tecnológico. Este profissional opera com questões como acabamento internos, escolha e distribuição de móveis nos espaços, considerando parâmetros estéticos e de conforto.

O curso de Arquitetura envolve conhecimentos ligados tanto à engenharia civil (cálculo estrutural, dimensionamento de forças, análise da composição de terrenos para a sustentação da construção) como da área de “humanas”, como história da arte, perspectivas antropológicas sobre a moradia (como os seres humanos consideraram e consideram nas diversas culturas a questão da habitação), passando pela análise da ocupação das cidades (paisagismo, urbanismo, áreas residenciais e comerciais, entre outras questões).

Há também arquitetos que se especializam em comunicação visual, desde a definição de padrões de comunicação de empresas até o design de móveis ou objetos de uso doméstico, acentuando sua formação estética.

Há matérias no curso de arquitetura ligadas a cálculo. Considere que eventuais obstáculos como sua dificuldade em matemática podem ser superados com maior empenho e atividades especiais, como a participação em grupos de estudo e aulas de reforço.

Considere também a possibilidade de realizar uma avaliação precisa junto a um psicopedagogo de suas dificuldades de aprendizagem. Muitas vezes diagnósticos superficiais e equivocados acabam diminuindo a liberdade de escolha. Por exemplo, déficit de atenção em geral não se limita a apenas uma matéria, como você parece se referir.

É necessária uma avaliação criteriosa, pois a grande maioria das dificuldades de aprendizagem estão relacionadas ao processo educacional, como metodologia de ensino, relacionamento professor aluno, auto-imagem do aluno, entre outros fatores.

Leia mais:
– Arquitetura é a carreira certa para você?
– Quais são as melhores faculdades para Arquitetura e Urbanismo?