logo-ge

Produção Editorial

O profissional é responsável pela edição e publicação de obras impressas e eletrônicas

O profissional é responsável pela edição e publicação de obras impressas e eletrônicas.

Programa e coordena a edição de livros, revistas, catálogos, folhetos e websites. Seleciona os temas e os títulos a serem publicados, define com o autor e os editores o conteúdo e o formato da obra e estabelece o cronograma de trabalho.

No caso de impressos, determina o tipo e o tamanho das letras, escolhe o tipo e a gramatura do papel, define a paginação do texto e as fotos ou ilustrações ao longo das páginas. Define, também, as características da capa, levando em conta o perfil do público-alvo.

Ele se envolve também com aspectos de negócios relacionados ao processo de produção: estabelece a tiragem de uma publicação, sua periodicidade, época de lançamento e sistema de distribuição, controla prazos e orçamentos.

Em marketing, o profissional cuida do lançamento de publicações e cria produtos conforme as tendências do mercado, os interesses da editora e os aspectos comerciais e de custo.

Também é preparado para trabalhar no ambiente digital, dominando a edição de conteúdos para sites, livros e revistas digitais.

É possível ingressar na carreira com um curso tecnológico.

O que você pode fazer

Arte Definir os aspectos visuais de uma publicação, desde o tamanho e o tipo das letras até a disposição dos textos, ilustrações e fotografas pelas páginas.

Edição Indicar mudanças necessárias nos originais entregues pelos autores, visando a melhorar a qualidade do texto ou a adequar a publicação a determinado segmento de público.

Marketing editorial Preparar estratégias de lançamento em uma editora. Acompanhar tendências e elaborar produtos.

Produção Gerenciar a impressão de livros, revistas e outras publicações, escolhendo o tipo de papel, a tinta e a forma de impressão. Selecionar fornecedores, levantar custos e acompanhar o produto na gráfica.

Revisão Eliminar erros de informação e de grafa de uma obra escrita. Checar o funcionamento dos mecanismos de navegação de mídias digitais e sites da internet.

Seleção Ler os textos originais e escolher obras para publicação, segundo os interesses da editora.

Tratamento de imagens Usar softwares para corrigir fotografas, como a luminosidade, o brilho, a cor e até imperfeições nas imagens.

Mercado de Trabalho

O segmento editorial brasileiro passa por grandes transformações com o lançamento e a disseminação dos livros digitais. Isso indica boas perspectivas para o profissional graduado em Produção Editorial.

As novas tecnologias, com aparelhos audiovisuais e digitais, como audiobooks e e-books, bem como o desenvolvimento de conteúdos para smartphones e tablets, abrem boas oportunidades para o profissional. Especialista na edição de textos e imagens, o produtor editorial deve ter um bom conhecimento de ambientes digitais, saber editar conteúdos para sites e dominar técnicas de software.

As editoras ainda são as maiores e mais tradicionais empregadoras deste produtor, que é contratado, em geral, para elaborar e coordenar projetos de livros. Há boas oportunidades em empresas que comercializam livros encomendados pelo governo, como os didáticos, ou indicados e adotados por instituições religiosas, científicas e técnicas, que, por isso, são vendidos em massa.

A maioria das oportunidades de trabalho concentra-se nos estados da Região Sudeste, a mais populosa, particularmente no eixo Rio-São Paulo, onde está instalada a maior parte das empresas de comunicação e editoras existentes no país.

Curso

Nos dois primeiros anos, o bacharel vê disciplinas básicas, como filosofia, sociologia e teoria da comunicação.

As matérias profissionalizantes, como redação, produção editorial impressa (livros e revistas), eletrônica (produtos audiovisuais) e digital (construção de sites e materiais digitais), são lecionadas, geralmente, a partir do terceiro ano.

Em algumas instituições, estágio e trabalho de conclusão são obrigatórios no último ano. Em outras, o curso é oferecido como habilitação de Comunicação Social.

Duração média: 4 anos.

Outros nomes: Comun. Soc. (edit.); Comun. Soc. (prod. editorial); Prod. Editorial e Multimeios.

 

Legenda:

Estrelas da Avaliação do Guia do Estudante

★★★★★ - Excelente

★★★★ – Muito bom

★★★ - Bom

CPC – Conceito Preliminar de Curso ① ② ③ ④ ⑤ 

O CPC é o indicador do Ministério da Educação que mede a qualidade dos cursos. Ele varia de 1 (menor valor) a 5 (maior valor). Ele está informado na ficha do curso para todas as graduações que tinham esse indicador disponível (fonte: site do Inep, anos 2014, 2013 e 2012). 

Cifrões – Referem-se às faixas de preço da mensalidade:

$ - Até 500,00 reais

$$ - De 500,01 a 750,00 reais

$$$ - De 750,01 reais a 1.000,00 reais

$$$$ - De 1.000,01 a 1.500,00 reais

$$$$$ - Acima de 1.500,01 reais

n/i - Valor não informado