Assine com até 65% de desconto

Sistemas Embarcados

Sistemas embarcados é o nome que se dá a programas e sistemas embutidos em microprocessadores, que executam tarefas específicas em um aparelho

Por Redação Atualizado em 26 jun 2019, 17h50 - Publicado em 6 out 2016, 17h34
Pixabay/Reprodução

Sistemas embarcados é o nome que se dá a programas e sistemas embutidos em microprocessadores, que executam tarefas específicas em um aparelho. Eles estão presentes em diversos equipamentos do dia a dia: em semáforos, aparelhos de ar condicionado (controle da temperatura), impressoras, tablets, smartphones e MP3 players. O tecnólogo com esta especialização atua num dos campos mais promissores da computação.

Ele tem conhecimentos específicos em informática, engenharia de software e eletrônica para desenvolver novos sistemas embarcados e fazer a programação de microprocessadores e microcontroladores, estabelecendo os requisitos mínimos de hardware e software para seu correto funcionamento.

O currículo é praticamente todo voltado para disciplinas da computação, como engenharia de software, arquitetura de computadores, robótica, programação, projetos de interfaces e redes de comunicação de dados. Também se estuda computação gráfica e processamento de imagens. Ao final é exigida a entrega de um trabalho de conclusão de curso.

Duração: 3,5 anos.

  • Curso

    Legenda:

    CPC – Conceito Preliminar de Curso ① ② ③ ④ ⑤ 

    O CPC é o indicador do Ministério da Educação que mede a qualidade dos cursos. Ele varia de 1 (menor valor) a 5 (maior valor). Ele está informado na ficha do curso para todas as graduações que tinham esse indicador disponível (fonte: site do Inep, anos 2014, 2013 e 2012). 

    Cifrões – Referem-se às faixas de preço da mensalidade:

    $ - Até 500,00 reais

    $$ - De 500,01 a 750,00 reais

    $$$ - De 750,01 reais a 1.000,00 reais

    $$$$ - De 1.000,01 a 1.500,00 reais

    $$$$$ - Acima de 1.500,01 reais

    n/i - Valor não informado

    Você também pode se interessar por:

    Publicidade