Clique e assine GE Play por R$16,90

60% das melhores redações do Enem 2019 foram feitas por mulheres

Os autores dos textos com avaliação máxima têm idades que variam de 16 a 28 anos e estão em estados do Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste

Por Juliana Morales - 17 jan 2020, 18h11

As notas das redações do Enem 2019 foram divulgadas na manhã desta sexta-feira (17). Dos 53 textos que receberam nota 1.000 neste ano, 32 foram escritos por mulheres, o que equivale a quase 60,4% das melhores notas. 

Os autores dos textos com avaliação máxima têm idades que variam de 16 a 28 anos e estão em estados do Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste: Alagoas (2); Bahia (1); Ceará (6); Distrito Federal (2); Espírito Santo (1); Goiás (4); Maranhão (1); Mato Grosso do Sul (1); Minas Gerais (13); Paraíba (1); Pará (2); Pernambuco (1); Piauí (2); Rio Grande do Norte (6); Rio de Janeiro (6); São Paulo (4).

O tema desta edição foi “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”. O texto deveria ser do tipo dissertativo-argumentativo, com até 30 linhas, desenvolvido a partir da situação-problema proposta e de subsídios oferecidos pelos textos motivadores.

O carioca Gabriel Lopes, 20 anos, foi um dos estudantes que comemoraram a excelência nesta proposta e garantiu a nota 1.000. Confira aqui as dicas e a redação do candidato.

 

Continua após a publicidade
Publicidade