Clique e assine GE Play por R$16,90

Proposta de redação do Enem: “Caminhos para combater o racismo no Brasil”

O GUIA vai corrigir ao vivo uma redação enviada pelos leitores! Veja como participar

Por Juliana Morales - 1 jul 2020, 16h52

O Enem 2020 ainda não tem nova data definida, mas sabemos que a preocupação com a redação, parte bem importante da prova, não fica para depois, né? O texto dissertativo cobrado no exame merece uma atenção especial e requer muito treino. Além de aumentar o repertório cultural com leitura e filmes, e ficar ligados nas atualidades, uma prática importante na preparação é fazer redações nos moldes do Enem.

Yasmine Diniz, redatora do Blog da Imaginie, plataforma de correção e ensino de redação, parceira do GUIA, aconselha que os candidatos façam duas redações por semana, praticando com várias propostas e eixos temáticos distintos. Outra dica é que o estudante, para começar, deve ler a cartilha de redação do Enem para conferir as informações referentes a cada uma das cinco competências que serão cobradas na redação e, assim, ver como conseguir produzir um texto que as alcance de maneira satisfatória. 

Hora de praticar!

O GUIA escolheu uma proposta de redação sobre racismo, tema importante que está presente fortemente em discussões atuais no Brasil e no mundo, para realizar uma live com a jornalista e professora de redação Ana Paula Severiano. Ela corrigirá ao vivo um texto de um dos nossos seguidores, passando instruções e dicas para garantir uma ótima nota na prova.

Quer participar? Leia a proposta a seguir, faça o texto nos moldes do Enem e envie por e-mail, no redacaoguia@gmail.com, ou via direct no nosso Instagram (@guiadoestudante). Em breve, divulgaremos a data da live e mais informações.

Confira a proposta completa da redação:

ENEM PPL – 2016/2017

CAMINHOS PARA COMBATER O RACISMO NO BRASIL

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua portuguesa sobre o tema: Caminhos para combater o racismo no Brasil, apresentando proposta de intervenção que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

TEXTO I

Ascendendo à condição de trabalhador livre, antes ou depois da abolição, o negro se via jungido a novas formas de exploração que, embora melhores que a escravidão, só lhe permitiam integrar-se na sociedade e no mundo cultural, que se tornaram seus, na condição de um subproletariado compelido ao exercício de seu antigo papel, que continuava sendo principalmente o de animal de serviço. […] As taxas de analfabetismo, de criminalidade e de mortalidade dos negros são, por isso, as mais elevadas, refletindo o fracasso da sociedade brasileira em cumprir, na prática, seu ideal professado de uma democracia racial que integrasse o negro na condição de cidadão indiferenciado dos demais.

RIBEIRO, D. O povo brasileiro: a formação e o sentido do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras. 1995 {fragmento}

Continua após a publicidade

TEXTO II

LEI Nº 7.716, DE 5 DE JANEIRO DE 1989
Define os crimes de resultantes de preconceito de raça ou de cor

Art 1º – Serão punidos, na forma desta Lei, os crimes resultantes de discriminalização ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional.

Disponível em http://www.planalto.gov.br. Acesso em 25 de maio de 2016 {fragmento}

TEXTO III  

http://www.portalternurafm.com.br/noticias/nacional-e-internacional/gabarito-do-enem-adiado-sai-na-quarta/3915

TEXTO IV

O que são ações afirmativas?

Ações afirmativas são políticas públicas feitas pelo governo ou pela iniciativa privada com o objetivo de corrigir desigualdades raciais presentes na sociedade, acumuladas ao longo de anos. Uma ação afirmativa busca oferecer igualdade de oportunidades a todos. As ações afirmativas podem ser de três tipos: com o objetivo de reverter a representação negativa; para promover igualdade de oportunidades; e para combater o preconceito e o racismo.

Em 2012, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu por unanimidade que as ações afirmativas são constitucionais e políticas essenciais para a redução de desigualdades e discriminações existentes no país. No Brasil, as ações afirmativas integram uma agenda de combate à herança histórica de escravidão, segregação racial e racismo contra a população negra.

Disponível em http://www.seppir.gov.br. Acesso em 25 de maio de 2016 {fragmento}

Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso Enem do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a centenas de videoaulas com professores do Poliedro.
Continua após a publicidade
Publicidade