logo-ge

EaD: saiba o que são Moocs

Saiba mais sobre essa modalidade, que inclui aulas gratuitas de universidades renomadas transmitidas pela internet

Cursos online gratuitos e em grande escala. É essa a tradução para o português da sigla em inglês Mooc, um tipo de curso a distância que vem ganhando vários adeptos no Brasil. Como o próprio nome já diz, trata-se de cursos geralmente constituídos de palestras e aulas gravadas em vídeo e transmitidas pela internet – sem custo para quem acessa. Em sua grande maioria, estão abertos a todos e são disponibilizados por instituições que mantêm parcerias com professores e universidades de renome.

No Brasil, um dos principais portais que veiculam Moocs é o Veduca, cujo modelo de curso é baseado em aulas em vídeo, com o suporte de material complementar como apostila e resumos. “As pessoas que utilizam o Veduca costumam acessar três ou quatro plataformas de ensino simultaneamente. São alunos que querem aprender de diferentes formas para obter uma melhor colocação profissional”, conta Marcelo Mejlachowicz, CEO do Veduca.

Mas não são todos os que chegam ao final do curso. Aliás, esse é um problema dos Moocs de modo geral: muitos se empolgam pelo fato de o curso ser gratuito e acham, equivocadamente, que é fácil acompanhar as aulas e obter o certificado. Quando deparam com desafios maiores, muitos acabam ficando pelo caminho. Por isso, se for escolher um Mooc, opte por um curso em que você se sinta bastante estimulado e se organize para acompanhar as aulas.

Além do Veduca, várias universidades oferecem Moocs – as três universidades paulistas (USP, Unesp e Unicamp) mantêm plataformas para a transmissão de aulas gratuitas. Para quem domina o inglês, também há diversas opções em plataformas que têm parcerias com renomadas instituições internacionais. Veja a seguir algumas delas:

Veduca

Com mais de 750 mil usuários cadastrados, oferece 19 cursos em áreas como gestão, finanças e sustentabilidade, muitos deles ministrados por professores de instituições como a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O acesso às aulas e aos materiais é gratuito, e por 49 reais o aluno faz uma prova para obter o certificado.

Coursera

Com uma ampla oferta de Moocs nas mais diversas áreas, como gestão, computação e ciências sociais, o Coursera disponibiliza cursos em inglês, em parceria com 100 universidades de 25 países. As aulas são gratuitas e, para a obtenção de um certificado, paga-se uma taxa que varia de 29 a 99 dólares.

EDX

Reúne 52 instituições de ensino e pesquisa que oferecem mais de 1.300 cursos em áreas como ciência da computação, humanidades e matemática. Os cursos são gratuitos, mas a EDX também oferece uma modalidade em que é cobrada uma taxa para a emissão do certificado.

Fun

Com cursos ministrados em inglês e francês e conteúdo completo e organizado, a plataforma foca em especializações nas áreas de arte, cultura, ciências e psicologia em parceria com as principais universidades da França. Quem deseja aprender francês deve ficar atento à agenda disponibilizada no site, que frequentemente abre inscrições o nível básico. Ao final de qualquer curso, há a emissão de certificados. Para isso, é preciso apresentar uma frequência mínima de 75%, além de participar dos fóruns e realizar todas as atividades propostas.

USP, Unesp e Unicamp

As três universidades paulistas oferecem vídeos de suas aulas da graduação, nas mais diversas áreas, no formato de cursos livres e gratuitos. As aulas não contam com tutoria nem oferecem certificado, mas podem ser úteis para ampliar conhecimentos específicos ou tirar dúvidas pontuais.

Veja também