logo-ge

MEC amplia vagas de educação profissional e tecnológica a distância

Cursos devem começar até junho e as matrículas não podem ser realizadas presencialmente

O Ministério da Educação vai ampliar o número de vagas de educação profissional e tecnológica, agora com foco na oferta de oportunidades na modalidade de Educação a Distância (EaD). A iniciativa é parte do programa Novos Caminhos, lançado pelo ministério em outubro do ano passado, para atender demandas do mercado e das profissões do futuro. O objetivo é gerar mais renda, mais emprego e mais capacitação.

A Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do MEC encaminhou comunicado para que as secretarias estaduais e outras instituições públicas apresentem propostas de cursos com esse enfoque.

Confira a lista das instituições habilitadas

Os cursos devem começar até junho e as matrículas não podem ser realizadas presencialmente. As regras aplicadas devem ser as do programa Bolsa Formação, que define o valor máximo de R$ 4,50 por hora-aula. As instituições parceiras que já tiveram cursos aprovados na modalidade presencial podem converter as vagas para a modalidade a distância.

As vagas que serão ofertadas fazem parte da iniciativa de repactuação de saldos promovida pelo MEC no Programa Novos Caminhos. A ação permitiu que recursos do Programa Bolsa Formação, que estavam parados nas contas dos Estados e do Distrito Federal, pudessem ser utilizados antes que tivessem que ser devolvidos para o Orçamento da União.

Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso Enem do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a centenas de videoaulas com professores do Poliedro.