logo-ge

Unesp 2017: baixe a prova do primeiro dia e veja a correção

Prova trouxe questões básicas, mas bem contextualizadas; abstenção foi de 10,9% dos candidatos

O primeiro dia da segunda fase do vestibular 2017 da Unesp teve um índice de abstenção de 10,9%: dos 48.047 candidatos convocados (dentre 102.230 inscritos), 5.223 não compareceram para fazer a prova. Na primeira fase, a abstenção foi de 7,7%.

Baixe a prova do primeiro dia da segunda fase da Unesp 2017

Veja a correção feita pelo curso e colégio Oficina do Estudante 

Para Célio Tasinafo, diretor pedagógico do curso e colégio Oficina do Estudante, a prova não apresentou surpresas. Ele destacou, no entanto, a contextualização das questões. “Os temas cobrados em todas as disciplinas são recorrentes no vestibular da Unesp. Mas chamou a atenção o esforço feito para contextualizar as questões com assuntos atuais. Uma questão de biologia, por exemplo, abordou a poluição na Baía de Guanabara e na Lagoa Rodrigo de Freitas e a preocupação que isso gerou durante os Jogos Olímpicos deste ano”, comenta.

unesp-poluicao-2017

 (/)

Se os temas não devem ter surpreendido os candidatos, o que pode fazer a diferença é a forma como cada um construiu suas respostas, já que todas as questões desta segunda fase são dissertativas. O primeiro dia foi composto de 24 questões dissertativas de conhecimentos gerais (história, geografia, filosofia, sociologia, biologia, química, física e matemática). 

“Terá vantagem aquele que conseguir organizar melhor suas ideias”, afirma Célio – dica que vale igualmente para o segundo dia de prova, nesta segunda-feira (19), que terá 12 questões de português e inglês, mais uma redação do tipo dissertativo-argumentativo.

Os portões serão fechados sempre às 14 horas e o exame terá duração de quatro horas e meia nos dois dias. Os candidatos devem se apresentar às 13 horas com um documento original de identidade, lápis preto (é proibido o uso de lapiseira), apontador, borracha, caneta esferográfica de tinta azul ou preta, fabricada em material transparente, e régua transparente.

O resultado final do vestibular sairá no dia 3 de fevereiro de 2017.

Estão em jogo 7.365 vagas em 23 cidades: Araçatuba (170 vagas), Araraquara (855), Assis (405), Bauru (1.045), Botucatu (600), Dracena (80), Franca (410), Guaratinguetá (310), Ilha Solteira (310), Itapeva (80), Jaboticabal (280), Marília (475), Ourinhos (90), Presidente Prudente (640), Registro (40), Rio Claro (490), Rosana (80), São João da Boa Vista (40), São José do Rio Preto (460), São José dos Campos (120), São Paulo (185), São Vicente (80) e Tupã (120). Além dessas cidades, o exame será aplicado em Americana, Campinas, Guarulhos, Jundiaí, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santo André e Sorocaba, no estado de São Paulo, e em Brasília (DF), Campo Grande (MS) e Uberlândia (MG).

Cotas

No Vestibular 2017, o Sistema de Reserva de Vagas para a Educação Básica Pública (SRVEBP) garante um mínimo de 45% das vagas de cada curso para alunos que tenham feito todo o ensino médio em escola pública, o que, segundo a universidade, deve ampliar a proporção destes alunos nos cursos. No Vestibular 2016, a proporção de matriculados egressos de escolas públicas foi de 46,6%.