Assine Guia do Estudante ENEM por 15,90/mês
Continua após publicidade

Clarice Lispector, 100 anos da escritora atemporal

Das listas de clássicos do vestibular para ícone da cultura pop brasileira

Por Wender Starlles
Atualizado em 10 dez 2020, 11h10 - Publicado em 10 dez 2020, 11h05

Neste 10 de dezembro, Clarice Lispector (1920-1977) completaria cem anos. Considerada uma das escritoras mais influentes do século 20 no Brasil, tornou-se conhecida após publicar “Perto do Coração Selvagem” (1943), aos 23 anos, o primeiro romance de sua carreira. A obra inaugurou uma nova forma de linguagem na literatura brasileira. Depois disso lançou outros títulos de sucesso como “Laços de Família” (1960), “A Paixão Segundo G.H.”(1964) e “A Hora da Estrela” (1977). 

A autora é homenageada pelo Instituto Moreira Salles (IMS) com um site lançado nesta quinta-feira que reúne fotos, manuscritos, áudios, vídeos, cartas, aulas e textos críticos a respeito de sua obra, que ainda influencia milhões de pessoas. 

Um dos principais destaques do projeto é a aula ministrada por Yudith Rosenbaum, professora da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da Universidade de São Paulo (USP), que explica com detalhes o conto “Felicidade Clandestina”, publicado por Clarice em 1971.

A escritora nasceu em 10 de dezembro de 1920, em uma aldeia na Ucrânia durante a viagem de imigração da família para o Brasil. Poucas pessoas sabem, mas seu verdadeiro nome era Haia Lispector, que significa “vida” ou “clara”. Teve que trocá-lo quando chegou em território brasileiro, passou a ser chamada de Clarice. Viveu em Maceió e Recife por alguns anos até se fixar no Rio de Janeiro com os pais e irmãos.

SAIBA MAIS

Continua após a publicidade

Decifre Clarice Lispector: vida e obra da escritora
Conheça obras que desvendam os mistérios de Clarice Lispector
Saiba mais sobre Clarice Lispector e “A Hora da Estrela”

Entre os itens do acervo do IMS, disponíveis para serem acessados gratuitamente pelo público, estão cartas enviadas pela autora para outros grandes escritores como Érico Veríssimo e Mário de Andrade, e há, inclusive, registros de conversas com o ex-presidente Getúlio Vargas. 

Por ser uma das autoras brasileiras mais famosas, Clarice é presença frequente nas listas obrigatórias de vestibulares. Neste texto o GUIA fala sobre os mistérios que envolvem as suas principais obras. Vale a pena conferir! 

Esse sucesso com o público também a transformou num ícone da cultura pop. Nas redes sociais, milhares de jovens utilizam frases ou pensamentos atribuídos à Clarice. “Tudo o que eu digo, a maior bobagem, é considerada como uma coisa linda ou uma coisa boba”, contou em uma entrevista para a TV Cultura, em 1977. Mas muitas frases são erroneamente atribuídas à escritora – teste seus conhecimentos no quiz abaixo!

Busca de Cursos

Continua após a publicidade

Em entrevista ao GUIA, a coordenadora de literatura do Instituto Moreira Salles, Rachel Teixeira Valença, revela que essa fama se deve muito a sua colaboração em jornais. “Já que grande parte dessa produção abordava o tema das relações de amor”, afirma. 

 

 

Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso Enem do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a centenas de videoaulas com professores do Poliedro, que é recordista em aprovações na Medicina da USP Pinheiros

Publicidade
Clarice Lispector, 100 anos da escritora atemporal
Atualidades
Clarice Lispector, 100 anos da escritora atemporal
Das listas de clássicos do vestibular para ícone da cultura pop brasileira

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se você já é assinante faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

MELHOR
OFERTA

Plano Anual
Plano Anual

Acesso ilimitado a todo conteúdo exclusivo do site

a partir de R$ 15,90/mês

Plano Mensal
Plano Mensal

R$ 19,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.