Assine com até 65% de desconto

Nanotecnologia

É a ciência que projeta e desenvolve produtos e processos tecnológicos pela manipulação de partículas minúsculas, na escala de nanômetros

Por Redação Atualizado em 22 Maio 2019, 16h59 - Publicado em 2 jun 2012, 17h20
GE/Guia do Estudante

É a ciência que projeta e desenvolve produtos e processos tecnológicos pela manipulação de partículas minúsculas, na escala de nanômetros (1 nanômetro equivale à bilionésima parte de 1 metro). Essa é a escala de dimensões de um átomo.

Com técnicas e ferramentas específicas, este bacharel organiza átomos e moléculas para criar um novo material ou novo processo. Atua também no setor de pesquisa e desenvolvimento de diversas áreas, da medicina à computação.

Fique de Olho

ÁREA CRESCE E GANHA IMPORTÂNCIA

A tecnologia da manipulação da matéria em nível molecular já afeta ou afetará, em um futuro próximo, setores tão diversos como medicina, agronegócio e energia. Considerada uma área estratégica para o governo, o setor vem se consolidando ano a ano no país.

Desde 2013, opera no Brasil o Sistema Nacional de Laboratórios em Nanotecnologias, o Sisnano, que reúne laboratórios direcionados ao desenvolvimento, educação e pesquisas em nanociências e nanotecnologias. Há dois anos, instituições ligadas ao Sisnano, como Unicamp, UFRGS, UFMG, USP e Furg, passaram a integrar o projeto europeu NanoReg, que fará a regulação internacional das pesquisas em nanotecnologia.

  • O que você pode fazer

    Desenvolvimento: criar produtos e processos tecnológicos em indústrias.

    Pesquisa: realizar pesquisa científica para universidades e institutos de pesquisa.

    Mercado de Trabalho

    Este é um curso recente no país. A primeira turma se formou em 2013, na UFRJ, única instituição a oferecê-lo.

    As melhores perspectivas estão em centros de pesquisa e desenvolvimento das indústrias, principalmente nos setores petrolífero, químico, farmacêutico, de cosméticos e de materiais. Há boas chances também na agroindústria, no desenvolvimento de tecnologias voltadas à produtividade de lavouras e à saúde de rebanhos, como biossensores para o diagnóstico de doenças em animais.

    Há ainda a possibilidade de empreender na área. Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o país possui cerca de 100 empresas do setor, 25 delas no estado de Santa Catarina. A maioria são pequenos negócios que prestam serviço aos grupos industriais no desenvolvimento de novas tecnologias e produtos.

    Curso

    Nos dois anos iniciais, a base é física, matemática, química e biologia. Depois, o aluno escolhe a ênfase do curso.

    Em Física, estuda eletromagnetismo, mecânica quântica e medicina molecular. Em Materiais, o conteúdo é voltado para disciplinas como tecnologia de materiais. E, em Bionanotecnologia, para fisiologia celular e área de fármacos e cosméticos.

    Estágio e trabalho de conclusão não são obrigatórios.

    Duração média: 4 anos.

     

    Legenda:

    Estrelas da Avaliação do Guia do Estudante

    ★★★★★ - Excelente

    ★★★★ – Muito bom

    ★★★ - Bom

    CPC – Conceito Preliminar de Curso ① ② ③ ④ ⑤ 

    O CPC é o indicador do Ministério da Educação que mede a qualidade dos cursos. Ele varia de 1 (menor valor) a 5 (maior valor). Ele está informado na ficha do curso para todas as graduações que tinham esse indicador disponível (fonte: site do Inep, anos 2014, 2013 e 2012). 

    Cifrões – Referem-se às faixas de preço da mensalidade:

    $ - Até 500,00 reais

    $$ - De 500,01 a 750,00 reais

    $$$ - De 750,01 reais a 1.000,00 reais

    $$$$ - De 1.000,01 a 1.500,00 reais

    $$$$$ - Acima de 1.500,01 reais

    n/i - Valor não informado

    Você também pode se interessar por:

    Publicidade