Clique e Assine a partir de R$ 20,90/mês

Estudantes enfrentam dificuldade para pedir reaplicação do Enem

Serviço de atendimento do Inep apresenta demora excessiva

Por Wender Starlles Atualizado em 17 jan 2021, 22h37 - Publicado em 17 jan 2021, 15h52

O número de telefone disponibilizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para que participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) avisem sobre sintomas de doenças infectocontagiosas no dia da prova apresenta demora excessiva e não completa o atendimento.

O GUIA tentou entrar em contato com a central 0800 616161 duas vezes, porém, em nenhuma ligação houve assistência humana. Em ambas, o tempo de espera foi de aproximadamente uma hora e 20 minutos. Uma gravação informa que, exclusivamente para o atendimento aos participantes do Enem, a central humana estaria de plantão no dia 16 de janeiro, das 8h às 18h, e no dia 17, das 8h às 14h.

Nas redes sociais, diversos estudantes também reclamaram da demora no atendimento.

Em uma publicação, o Inep informou que participantes que tiveram sintomas ou diagnósticos de covid-19 na véspera ou no primeiro dia de provas do Enem 2020, neste domingo (17), poderão apresentar exames e laudos médicos que comprovem a condição. Os pedidos de reaplicação devem ser feitos por meio da “Página do Participante” entre 25 e 29 de janeiro. O mesmo vale para outras doenças infectocontagiosas.

Em entrevista ao GUIA, Alexandre Lopes, presidente da instituição responsável pela prova, afirmou que, por meio do 0800 616161, os estudantes receberiam as devidas orientações do que poderia ser feito caso precisassem ir para o dia da reaplicação do Enem, em 23 e 24 de fevereiro.

  • O Inep foi procurado pela redação para se posicionar sobre a situação. Até o momento não obtivemos resposta.

    Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso Enem do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a centenas de videoaulas com professores do Poliedro, que é recordista em aprovações na Medicina da USP Pinheiros.

    Confira: Gabarito Enem 2020

    Continua após a publicidade
    Publicidade