Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

Halloween: entenda os motivos do Dia das Bruxas ser Dia do Saci no Brasil

Conheça a origem do Halloween e da tentativa de resgate do folclore brasileiro

Por Luccas Diaz Atualizado em 29 out 2021, 19h02 - Publicado em 31 out 2020, 06h08

Nos Estados Unidos, no dia 31 de outubro é comemorado o Halloween ou Dia das Bruxas, celebração de origem celta, que depois foi adotada no calendário da igreja católica como All Hallows’ Eve (véspera de todos os santos). A tradição de fantasias com os monstros da cultura pop e crianças fantasiadas batendo em porta em porta pedindo por “doces ou travessuras?” tornou a data popular em diversas partes do mundo. No Brasil, oficialmente, a data é reservada para uma outra celebração: o Dia do Saci.

Por causa de as duas celebrações terem a mesma data, as pessoas debatem nas redes sociais sobre a importância da valorização dos símbolos nacionais e a adoção exagerada de ícones estrangeiros.

Será que uma coisa anula a outra?

Halloween
Tenor/Reprodução

Origem 

Em 2003, o deputado Aldo Rebelo Figueiredo, hoje no partido Solidariedade (SD), propôs o projeto de lei federal nº 2762/2003, com objetivo de declarar o 31 de outubro o Dia Nacional do Saci-Pererê, figura emblemática e uma das mais conhecidas do folclore nacional. A proposta do então deputado era valorizar as figuras da cultura brasileira.

“A comemoração do Halloween no Brasil – como tantas outras celebrações da cultura norte-americana de forte apelo comercial – tem atraído cada vez maior número de jovens e crianças. Criar, na mesma data, o ‘Dia do Saci’ é, portanto, uma forma de se oferecer à juventude brasileira a alternativa de festejar as manifestações de sua própria cultura”, disse o deputado à época.

 

Aldo Rebelo
Deputado Aldo Rebelo/Reprodução

A aceitação, entretanto, não foi imediata. Em 2013, o deputado federal Chico Alencar  (PSOL) e a vereadora de São José dos Campos Ângela Guadagnin (PT), por meio da Comissão de Educação e Cultura, elaboraram o Projeto de Lei Federal n.º 2.479, que institui o 31 de outubro como o Dia do Saci. No estado de São Paulo, porém, a data já era comemorada desde 2004, instituída pela lei estadual n.º 11.669.

++ Análise de redação: Cultura popular na história brasileira

++ Divirta-se com os irmãos Grimm e os “contos de fadas originais”

 

O Saci-Pererê

Saci-Pererê
Márcio de Souza/TV Globo/Divulgação
Continua após a publicidade

De acordo com estudos de folcloristas, a origem da lenda do saci-pererê data entre o final do século XVIII e o começo do XIX. Ele surge nas tribos dos índios guaranis, no sul do Brasil e, a princípio, era conhecido como çaa cy perereg. Quando a lenda se espalhou pelo resto do país, a palavra foi adaptada para a forma que conhecemos. Na Argentina, no Uruguai e no Paraguai, a lenda também ficou conhecida e o nome variou para yaci-yateré; nestes países, as características físicas do Saci diferem da brasileira. Há até uma versão de cabelos loiros.

A definição mais comum da lenda no Brasil é que o Saci Pererê é uma entidade que vive para proteger as florestas e gosta de pregar peças nas pessoas: estragar o freio de carroças, incomodar os cavalos, azedar as comidas e desaparecer com objetos dos fazendeiros. A personalidade sapeca é sua principal característica, mas, usualmente, não é associada a maldades.

++“Macunaíma” – Análise da obra de Mario de Andrade

++ Caça às bruxas: de Joana D’Arc aos mistérios da Inquisição

O Saci é descrito como um garoto negro, careca, de uma perna só e que se locomove em um redemoinho. Sua altura pode variar pelas regiões do país; em alguns estados acredita-se que ele tenha apenas 50 cm e em outros, ele pode chegar até 3 metros. Comumente é associado ao Curupira, por também ser protetor das florestas.

A figura do Saci ficou mais popular a partir das histórias do autor Monteiro Lobato, em que o menino de uma perna só era figura constante nas aventuras dos personagens Narizinho, Pedrinho e Emília em O Sítio do Pica-Pau Amarelo.

Saci x Halloween 

Bruxas
Tenor/Reprodução

O Halloween também ficou popular em decorrência do seu apelo comercial: venda de fantasias e artigos de decoração temáticos, além de doces. Já a celebração do garoto de uma perna só ainda não é tão conhecida.

Então, que tal se fantasiar de Saci para a próxima festa Halloween? Comente nas redes sociais do Guia do Estudante

Assine o Curso PASSEI! do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a todas as provas do Enem para fazer online e mais de 180 videoaulas com professores do Poliedro, recordista de aprovação nas universidades mais concorridas do país.

 

Continua após a publicidade

Publicidade